Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Milan dá como certa contratação de Kaká

O Grupo Mediaset, pertencente a Silvio Berlusconi, proprietário do Milan, dá como certa a contratação de Kaká pelo clube italiano por US$ 11 milhões. De acordo com noticiário divulgado pelos sites da empresa, o diretor geral do Milan, Ariedo Braida, deverá chegar ao Brasil no início da semana que vem para fechar o negócio.O próprio Braida afirmou que está tudo praticamente acertado. O presidente do São Paulo, Marcelo Portugal Gouvêa, se mostrou surpreso com as declarações do italiano, garantiu que não conversou com Leonardo, diretor do Milan, nos últimos dias, mas, pela primeira vez, disse que o negócio pode sair. "Se é verdade que eles virão com essa proposta, ela é bem maior do que a anterior e as chances aumentam."Marcelo Portugal Gouvêa acessou a internet por volta das 19 horas desta sexta-feira para verificar as notícias procedentes da Europa. E não achou ruim o que viu. "Eles já demonstraram interesse no Kaká. Deve haver nova reunião na semana que vem e provavelmente eles vão liberar o Leonardo para fazer a nova proposta." O presidente não quis dizer se vai aceitar a nova oferta, caso seja concretizada, mas os US$ 11 milhões agradam, e muito, ao São Paulo. A quantia resolveria de vez os problemas financeiros e colocaria o caixa do Morumbi em ordem. É fato certo que o clube vende Kaká por US$ 11 milhões. Os italianos haviam oferecido US$ 8 milhões.Aconselhado pela assessoria de imprensa do clube, Kaká não deu entrevistas após o treino desta sexta-feira, quando foi assediado por torcedores que estiveram no CT. O atleta atuará como gosta na partida de sábado, às 18 horas, contra o Juventude, no Morumbi: armando as jogadas, com dois atacantes à frente, Kleber e, provavelmente, Diego Tardelli. Márcio Luiz, um jovem de 22 anos formado nas categorias de base, também tem chances de entrar. O técnico Roberto Rojas abandonou a retranca e vai usar o tradicional esquema 4-4-2. Luís Fabiano, Gustavo Nery e Júlio Santos, suspensos, não jogam. Lugano será o companheiro de Jean na zaga. Leonardo Moura e Fabiano voltam à equipe.Rojas pede apoio do torcedor, que vaiou o time, principalmente Kaká, na derrota para o Inter por 2 a 0. O São Paulo perdeu os últimos dois jogos no Morumbi e não vem conseguindo ter boas atuações no Brasileiro em sua casa.

Agencia Estado,

08 de agosto de 2003 | 19h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.