Milan divulga projeto de seu novo estádio para 48 mil pessoas

Vídeo - Arena é resultado de estudo em mais de 70 campos

O Estado de S. Paulo

28 de abril de 2015 | 12h11

O Milan divulgou nesta terça-feira seu novo projeto de estádio. O clube italiano, que não repete as boas atuações de temporadas passadas, promete reinventar o conceito de arena moderna para o futebol, a começar pelo formato. O novo estádio mais parece um condomínio residencial.

Para chegar às concepções divulgadas, dirigentes e especialistas contratados pelo Milan visitaram cerca de 70 estádios novos construídos e reformados pelo mundo. Seu estádio é projetado para receber 48 mil pessoas, portanto, pouco maior do que a Allianz Parque, do Palmeiras, e Itaquerão, do Corinthians, ambos feitos para abrigar até 43 mil pessoas.

O Milan defende que seu estádio será o mais silencioso do mundo para os vizinhos. A construção do campo está no epicentro de um complexo bem fechado e cercado por construções, de modo a impedir que o som da festa tradicional da torcida escape para fora do complexo. Os prédios em volta do estádio fazem parte de seu complexo e alcançariam, no máximo, 30 metros de altura. Isso faz com que a nova construção não altere a paisagem urbana de Milão. O San-Siro, por exemplo, tem o dobro dessa altura.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
futebol internacionalfutebolmilan

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.