Milan insiste: não vai liberar Kaká

O Milan anunciou nesta quinta-feira que não vai liberar Kaká para o Pré-Olímpico do Chile, em janeiro. Dirigentes do clube italiano garantiram que têm o aval da Fifa para não ceder o jogador à Seleção Sub-23. A CBF, até esta quinta, não havia confirmado a informação do Milan.O site do clube italiano revelou que Joseph Blatter, presidente da Fifa, conversou com Ricardo Teixeira, presidente da CBF, nesta quinta-feira, em Frankfurt, e conseguiu a liberação de Kaká. Blatter argumentou que o jogador serve com regularidade a Seleção Brasileira nas Eliminatórias da Copa de 2006 e o Milan não poderia ser prejudicado por causa de um torneio Sub-23. Outros clubes europeus devem acompanhar o Milan e não ceder seus atletas para o Pré-Olímpico. Ricardo Gomes, técnico da Sub-23, convoca os jogadores na segunda-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.