Reprodução Twitter Milan
Reprodução Twitter Milan

Milan oficializa contratação de Lucas Paquetá com acordo até 2023

Negociado pelo Flamengo por R$ 148 milhões, meia será apresentado na terça-feira

Redação, Estadão Conteúdo

04 Janeiro 2019 | 17h09

O meia Lucas Paquetá se tornou oficialmente jogador do Milan nesta sexta-feira. Embora a negociação entre o clube italiano e o Flamengo tenha sido fechada em outubro, só foi oficializada nesta sexta-feira, com o time sete vezes campeão europeu tendo revelado que assinou um contrato válido até 30 de junho de 2023 com a equipe.

O Milan desembolsará 35 milhões de euros (aproximadamente R$ 148 milhões) pela contratação de Lucas Paquetá, que vai iniciar a rotina de treinamentos no clube italiano na segunda-feira, quando o elenco se reapresenta após um período de folga para as festas de fim de ano. E a sua apresentação oficial ocorrerá no dia seguinte, a partir das 12 horas (de Brasília), quando vestirá a camisa de número 39.

Lucas Paquetá, de 21 anos, fez a sua estreia pela seleção brasileira nos primeiros amistosos da equipe após a queda nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia, que foram disputados em setembro contra Estados Unidos e El Salvador. Formado nas divisões de base do Flamengo, Lucas Paquetá disputou 65 jogos pelo clube, com 13 gols marcados, tendo sido campeão carioca em 2017.

No Milan, Paquetá tentará se tornar mais um jogador brasileiro a ter sucesso no gigante italiano. O histórico de êxito passa por nomes como Leonardo, atual diretor esportivo do clube, Cafu, Dida, Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho, Thiago Silva, Kaká e Robinho. E a chegada do meia ex-Flamengo vai, inclusive, levar o clube a lançar uma versão do seu site oficial na língua portuguesa.

 

 

Mais conteúdo sobre:
FlamengoLucas PaquetáMilan

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.