Giorgio Perottino/ Reuters
Giorgio Perottino/ Reuters

Milan perde do Genoa fora e fica longe dos líderes do Italiano

Balotelli e Luiz Adriano não impedem terceira derrota rossonera

Estadão Conteúdo

27 de setembro de 2015 | 10h00

O Milan perdeu a chance de se aproximar dos líderes do Campeonato Italiano, neste domingo, ao ser superado pelo Genoa por 1 a 0, fora de casa. Sem empolgar seu torcedor, o time de Milão pouco atacou o rival, em dia nada inspirado de Mario Balotelli e do brasileiro Luiz Adriano.

O único gol da partida foi marcado aos 10 minutos de jogo. Blerim Dzemaili cobrou falta, a bola desviou na barreira e enganou o goleiro Diego López. Antes do intervalo, a vantagem no placar se tornou também vantagem numérica. Alessio Romagnoli levou o segundo cartão amarelo e foi expulso de campo.

Com um jogador a mais no jogo, o Genoa não teve maiores problemas para sustentar a dianteira no placar, principalmente por causa da inércia do ataque visitante. A melhor chance do Milan na partida foi criada por Juraj Kucka, que recebeu livre na área, mas mandou por cima do travessão.

O resultado manteve o Milan na parte intermediária da tabela, na nona colocação com nove pontos. Para o Genoa, a segunda vitória na competição levou o time a se afastar da zona de rebaixamento, agora com seis pontos e na 14ª posição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.