Daniela Santoni/AP
Daniela Santoni/AP

Milan vence, assume ponta e coloca pressão na Juventus

Vitória sobre o Cagliari como visitante deixa time milanês com 34 pontos

AE, Agência Estado

20 de dezembro de 2011 | 19h57

ROMA - O Milan cumpriu bem o que pretendia na partida contra o Cagliari, fora de casa, para terminar o ano de 2011 na liderança do Campeonato Italiano. Em jogo válido pela 1.ª rodada - remarcada para este meio de semana por causa de uma greve dos jogadores há pouco menos de quatro meses -, o time de Milão mostrou superioridade, mesmo como visitante, e venceu por 2 a 0.

Agora com 34 pontos, em 16 partidas, o Milan assume provisoriamente a liderança e joga a pressão para a Juventus, que tem 33 e joga nesta quarta contra a Udinese, fora de casa - surpresa da competição, a equipe de Údine é a terceira colocada, com 31 pontos.

Em campo, a superioridade do Milan apareceu logo nos primeiros minutos. Aos 4, o time de Milão já abriu o placar em uma jogada pelo lado direito. O atacante brasileiro Robinho recebeu passe na grande área, driblou goleiro e zagueiro de uma vez só e tocou para o meio. Na tentativa de evitar o gol de Nocerino, o zagueiro Pisano marcou contra.

Na segunda etapa, controlando as ações do jogo, o Milan conseguiu ampliar a vantagem aos 15 minutos, com o gol do centroavante sueco Ibrahimovic, que chegou assim a 11 no campeonato e se igualou ao argentino German Denis, da Atalanta, na artilharia. O Cagliari, sem forças, não fez mais nada e segue próximo da zona de rebaixamento - é o 14.º colocado, com 18 pontos.

Perto da área da degola estão Siena e Fiorentina, dois clubes da região Toscana, que nesta terça fizeram o clássico local e ficaram no empate sem gols, em Siena. Com 18 pontos, a equipe de Florença é a 12.ª colocada. O Siena ocupa o 16.º lugar, duas posições acima da zona de risco, com 15 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.