Rubens Chiri/Divulgação
Rubens Chiri/Divulgação

Milton Cruz diz estar indignado e lamenta baixas de Ceni e Ganso

Técnico do São Paulo afirma que time careceu de liderança

O Estado de S. Paulo

22 Novembro 2015 | 21h46

O técnico interino do São Paulo, Milton Cruz, concedeu uma breve entrevista coletiva neste domingo para falar sobre a goleada sofrida pelo time por 6 a 1 para o Corinthians, no Campeonato Brasileiro. Para o treinador, o resultado se explica por um jogo atípico e pela falta de líderes na equipe, como o goleiro Rogério Ceni e o meia Ganso, ambos desfalques por lesões.

"O time começou bem, faltou a liderança do Rogério Ceni para orientar. O Ganso é um líder técnico. Essas coisas são difíceis de digerir, mas o futebol prega essas frustrações", afirmou o interino, que fez o segundo jogo no comando. No anterior, levou o time a ganhar do Atlético-MG por 4 a 2 de virada, no Morumbi. "A gente fica indignado, não só eu como os jogadores no vestiário. Os jogadores tentaram buscar o resultado, tivemos um jogo na quinta-feira que talvez tenha desgastado o grupo".

A derrota foi a nona do time em clássicos no ano e começou com três gols sofridos ainda no primeiro tempo. No intervalo o São Paulo fez duas alterações, conseguiu ao menos marcar um gol e perdeu um pênalti. Alan Kardec chutou para a defesa de Cássio. Foi a maior derrota do clube na história do confronto, resultado piorado pela escalação do Corinthians apenas com reservas.

Para Milton Cruz, levar três gols de bola parada no primeiro tempo foi crucial para o resultado. "Fizemos um planejamento de bola parada e tomamos três gols assim no primeiro tempo. Algo anormal. Tem de dar méritos ao Corinthians também. Todo mundo é homem e sabe das suas obrigações para buscar a classificação (para Libertadores)", disse. A rodada termina com o São Paulo mantido na quarta posição, empatado com o Inter em 56 pontos e com vantagem apenas no saldo de gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.