Paulo Fernandes / Vasco.com.br
Paulo Fernandes / Vasco.com.br

Milton Mendes minimiza discussão no Vasco entre Nenê e Douglas: 'O comando é meu'

Técnico também garantiu que entrará com o time titular no clássico contra o Flamengo

Estadao Conteudo

03 de abril de 2017 | 09h18

O técnico Milton Mendes não se esquivou ao comentar sobre a discussão entre Nenê e Douglas durante a vitória do Vasco por 2 a 0 sobre o Nova Iguaçu, neste domingo, no estádio de Moça Bonita, pela Taça Rio, o segundo turno do Campeonato Carioca. E aproveitou para utilizar a pequena desavença em campo para mostrar quem é que manda no elenco.

"No vestiário, durante o intervalo, foi mostrado a eles onde está o comando. Existe o comando do presidente e o meu dentro do vestiário. Vocês viram que no segundo tempo já não aconteceu nada. Foi totalmente ultrapassado. O comando é meu. A responsabilidade é minha. Não vou admitir isso mais. Em um jogo de futebol, quando o jogo está quente, existem divergências. Agora é preciso usar a inteligência e saber contornar, saber tornar positivo", comentou Milton Mendes.

Durante o primeiro tempo, Nenê reclamou com Douglas e os dois bateram boca. O árbitro precisou conter os ânimos de ambos. O treinador do Vasco ainda informou que após o jogo exigiu que os dois se abraçassem ainda em campo.

Sobre a partida, Milton Mendes elogiou o desempenho dos jogadores na tranquila vitória. O resultado garantiu a equipe cruzmaltina nas semifinais da Taça Rio - na próxima fase enfrentará o Flamengo, com data e local a ser definido.

"Foi um jogo em que conseguimos jogar melhor. A equipe construiu, soube se posicionar em campo. Fizemos algumas mudanças de modelo de jogo. Fico feliz pelo resultado, pela entrega, um campo difícil, como tem sido onde temos jogado. Em São Januário a chuva dificultou bastante. A equipe está de parabéns, os jogadores estão de parabéns. Foi importante vencer para pensarmos no próximo jogo", disse o técnico.

Apesar de o Vasco também estar garantido na semifinal do Campeonato Carioca por conta do desempenho na fase de grupos, Milton Mendes descartou utilizar time misto na disputa das semis do segundo turno. "Todo jogo para nós é importante. Não sei os nossos adversários, mas nós vamos entrar com a força máxima em todos os jogos", afirmou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.