Milton Mendes minimiza jejum do Vasco fora de casa e exalta luta do time

Para o treinador, faltou profundidade à equipe para levar perigo à defesa botafoguense

Estadão Conteúdo

22 de junho de 2017 | 09h10

A derrota do Vasco por 3 a 1 para o Botafogo, no Engenhão, expôs as dificuldades do time quando deixa São Januário. Afinal, esse foi o quarto compromisso do time longe do seu estádio no Campeonato Brasileiro e o quarto revés. Após o clássico válido pela nona rodada da competição, o técnico Milton Mendes tentou minimizar esse jejum.

"Até agora não ganhamos fora de casa, mas vai chegar o momento em que vamos ganhar. Com essa vontade do time, provavelmente nosso torcedor vislumbra coisas boas", afirmou o treinador vascaíno, que também realizou uma avaliação ampla do duelo e apontou que o gol marcado pelo botafoguense Roger logo aos cinco minutos do primeiro tempo atrapalhou as pretensões da sua equipe.

"Vi uma equipe que leva um gol aos três minutos, e a seguir toma conta do jogo. Não tivemos muita profundidade, apesar da maior posse de bola. Muitos arremates não perigosos. No fim do primeiro tempo levamos o gol de bola parada. No vestiário mostrei que tínhamos condição de reverter. Mudamos a estratégia, com mais velocidade pelos lados. Algumas situações interessantes. Mas foram outra vez e fizeram o terceiro gol", acrescentou.

Milton Mendes também avaliou que o placar não representou o que foi o clássico e voltou a exaltar o espírito de luta dos seus jogadores. "O placar foi elástico pelo que jogamos. Meus jogadores foram extraordinários, lutaram sempre, estão de parabéns. A responsabilidade das coisas sempre são minhas. A nossa luta continua e nos nossos próximo jogos já temos que nos debruçar e estudar os adversários. O Palmeiras venceu só por 1 a 0 o Atlético-GO. Acho que ninguém tinha mais a dar. Ficou amargo, não merecíamos perder", analisou.

Com 12 pontos, o Vasco ocupa o nono lugar no Brasileirão e volta a jogar no próximo domingo, quando vai receber o Atlético Goianiense, em São Januário, pela décima rodada do Brasileirão.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolVascoMilton Mendes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.