Divulgação
Divulgação

Minas cumpre agenda diplomática com países da Copa do Mundo

Belo Horizonte será sede de seis jogos do campeonato mundial

Agência Estado

13 de março de 2014 | 14h25

BRASÍLIA - O governo mineiro cumpriu nesta quinta-feira uma agenda diplomática em Brasília, ao realizar encontro, no Ministério do Esporte, com embaixadores dos países classificados para a Copa do Mundo. O objetivo da ação é "compartilhar informações relativas a planos operacionais de segurança da sede, além de dados de utilidade pública sobre o local".

O prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, o secretário de Estado de Turismo e Esportes (Setes), Tiago Lacerda, e o coordenador do Núcleo de Operações da Setes, coronel Wilson Chagas, participaram do encontro desta quinta-feira com os embaixadores. Além disso, o secretário executivo do Ministério do Esporte, Luis Fernandes, esteve presente.

"É enorme nossa satisfação com a repercussão que nossa preparação para a Copa gera entre os diplomatas. Os quesitos segurança e saúde nos enchem de orgulho", afirmou Tiago Lacerda, contando que as embaixadas têm exercido a função de canal de transmissão de informações sobre o Brasil a seus cidadãos que viajarão para acompanhar a Copa.

No Mineirão, Belo Horizonte será sede de seis jogos na Copa, com a previsão de receber torcedores de pelo menos oito países diferentes. Na primeira fase, terá Colômbia x Grécia, Bélgica x Argélia, Argentina x Irã e Costa Rica x Inglaterra. Depois, ainda será palco da disputa de uma partida das oitavas de final e outra da semifinal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.