Mineiros adotam estratégias diferentes

Os clubes mineiros que disputam a Série A estabeleceram estratégias semelhantes para o recesso de duas semanas no Campeonato Brasileiro, provocado pelo início da participação brasileira nas Eliminatórias sul-americana da Copa do Mundo de 2006. O líder Cruzeiro pretende aproveitar a folga para intensificar a preparação física dos jogadores. Após a goleada de 4 a 1 sobre o Guarani, no último sábado, os jogadores se reapresentam nesta terça-feira na Toca da Raposa II, onde participarão de atividades em dois períodos, comandadas pelo preparador físico Antônio Mello.A delegação cruzeirense segue no próximo domingo para Foz do Iguaçu. A idéia do técnico Vanderlei Luxemburgo é submeter os jogadores a uma "inter-temporada" até o jogo contra o Atlético Paranaense, no dia 13, em Curitiba. Luxemburgo destacou que esteve em Foz do Iguaçu em 1999, quando dirigia a Seleção Brasileira. Além de considerar a paralisação da competição uma boa oportunidade para que o grupo concentre-se ainda mais na conquista do título nacional, o treinador salienta que os dias no Paraná servirão para que os jogadores se adaptem ao "clima frio" que deverão encontrar em Curitiba. Com remotas chances de brigar pelo título do Brasileirão, o Atlético-MG volta suas atenções para a Copa Sul-Americana. O time mineiro enfrenta o Fluminense, amanhã (03), no Mineirão, jogo que vale passagem para a segunda fase do torneio internacional. A ordem do técnico Marcelo Oliveira é que os jogadores só voltem a pensar no Campeonato Brasileiro na quinta-feira. No entanto, a exemplo do Cruzeiro, a diretoria e a comissão técnica do Galo decidiram realizar uma pequena temporada fora de Belo Horizonte, antes da partida contra a Ponte Preta, no dia 14, no Mineirão. Na sexta-feira à noite, a delegação alvinegra viaja para Jarilu (SP), de onde retorna somente no dia 13. "Eu não sei até que ponto essa parada é boa ou ruim, mas vamos aproveitá-la da melhor maneira. Acho, porém, que para o Marcelo é importante e até benéfico, porque os atletas vão estar treinando melhor, se alimentando melhor, dormindo melhor. A intenção é que todos fiquem pensando exclusivamente no trabalho", avisou o gerente de Futebol do Atlético, Éder Aleixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.