Edson Rodrigues/Secopa
Edson Rodrigues/Secopa

Ministério Público quer nova inspeção na Arena Pantanal

Promotores querem ter certeza de que incêndio ocorrido em outubro não afetou estruturas do estádio

Fátima Lessa - Correspondente, O Estado de S. Paulo

18 de fevereiro de 2014 | 05h10

CUIABÁ - O Ministério Público de Mato Grosso (MPE/MT) vai solicitar nova inspeção na Arena Pantanal para dar continuidade às investigações em relação aos possíveis danos na estrutura do estádio, após incêndio ocorrido no setor oeste em outubro do ano passado. De acordo com relatório técnico elaborado pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça (CAOP), o incêndio causou danos na estrutura da Arena.

O engenheiro da empresa gerenciadora da obras da Arena Pantanal, Concremat Engenharia e Tecnologia S.A, Sérgio Ravanelli, que assinou o laudo que embasou o relatório não conclusivo enviado pela Secretaria Extraordinária da Copa (Secopa) para o Ministério Público de Mato Grosso, disse ontem que não há motivos para preocupação. "É coisa pequena", observou ele. Após o incêndio, foi feita perícia e realizadas as obras de recuperação necessárias.

O secretário extraordinário da Copa do Mundo, Maurício Guimarães, garantiu que a Arena Pantanal não apresenta risco estrutural e que o estádio está apto a receber tanto os jogos do Mundial, quanto qualquer outra partida de competições locais e outros eventos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.