Divulgação/São Bento
Divulgação/São Bento

Mirassol ganha de virada e afunda São Bento na lanterna do Paulistão

Eder Luis abre o placar, mas Zé Roberto e Rodolfo dão vitória ao time da casa

Redação, Estadão Conteúdo

22 de fevereiro de 2019 | 21h52

Um apagão no segundo tempo complicou ainda mais a vida do São Bento no Campeonato Paulista. De virada, o time sorocabano levou a pior fora de casa no confronto direto contra o Mirassol ao perder por 2 a 1, nesta noite de sexta-feira, no estádio José Maria de Campos Maia, na abertura da oitava rodada.

O resultado afasta o Mirassol da zona de rebaixamento, mas ainda não é o bastante para tirá-lo da lanterna do Grupo C. Por outro lado, a diferença para o líder Corinthians é de apenas dois pontos: 10 a 8. Ainda sem vencer, o São Bento estacionou nos três pontos e amarga não só a lanterna do Grupo B, como também da classificação geral, na zona da degola.

O Mirassol até que começou a partida tendo mais posse de bola, mas não era efetivo e foi vendo o São Bento se soltar. Até que, aos 18 minutos, Alex Maranhão cruzou e Eder Luis, de cabeça, colocou o time sorocabano na frente. Os donos da casa sentiram o gol e não conseguiam chegar com perigo na área adversária, tanto que saíram vaiados para o vestiário.

O segundo tempo teve uma confusão logo no início após uma dividida entre Daniel Borges e Alex Maranhão. Ambos foram amarelados. Com uma postura mais ofensiva após as alterações feitas por Moisés Egert, o Mirassol conseguiu a virada.

Aos 15 minutos, Zé Roberto aproveitou cruzamento de Daniel Borges, dominou no peito e deixou tudo igual. Nove minutos depois, Rodolfo recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro. A bola ainda bateu na trave antes de entrar. O São Bento foi para o tudo ou nada e quase empatou em chute de Joãozinho pela linha de fundo.

O Mirassol volta a campo na próxima sexta-feira, contra o São Caetano, às 18h45, no estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. No dia seguinte, o São Bento recebe o Corinthians, às 16h30, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba. Os jogos são válidos pela nona rodada.

FICHA TÉCNICA:

MIRASSOL 2 X 1 SÃO BENTO

MIRASSOL - Tiago Cardoso; Daniel Borges, William Alves, Leandro Amaro e Alex Ruan; Riccieli (Jean Carlos), Léo Baiano e Wellington Simião (Zé Roberto); Wilson (Yuri), Rodolfo e Felipe Augusto. Técnico: Moisés Egert.

SÃO BENTO - Henal; Éverton Silva, Ewerton Páscoa, Luizão e Marcelo Cordeiro; Fábio Bahia, João Paulo e Alex Maranhão; Eder Luis (Joãozinho), Alecsandro (Henan) e Mazola (Paulo Henrique). Técnico: Silas Pereira.

GOLS - Eder Luis, aos 18 minutos do primeiro tempo. Zé Roberto, aos 15, e Rodolfo, aos 24 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Bizzio Marinho.

CARTÕES AMARELOS - Wellington Simião, Tiago Cardoso, Léo Baiano e Daniel Borges (Mirassol); Alex Maranhão, Paulo Henrique, Ewerton Páscoa e Mazola (São Bento).

RENDA - R$ 10.562,00.

PÚBLICO - 725 pagantes.

LOCAL - Estádio José Maria de Campos Maia, em Mirassol (SP).

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.