Divulgação/ Mirassol FC
Divulgação/ Mirassol FC

Mirassol goleia o Altos por 4 a 0 e fica perto da final da Série D

Equipe paulista decide vaga na decisão no próximo domingo, no Piauí

Redação, Estadão Conteúdo

17 de janeiro de 2021 | 19h10

O Mirassol ficou muito perto da final do Campeonato Brasileiro da Série D. Neste domingo, o time paulista goleou o Altos-PI por 4 a 0, no estádio José Maria de Campos Maia, no jogo de ida da semifinal da quarta divisão nacional.

Com o resultado, o Mirassol pode perder por até três gols de diferença na volta que ainda assim avançará para a decisão. O Altos-PI precisa vencer por vantagem de cinco gols para se classificar no tempo normal ou por quatro gols de diferença para forçar as penalidades.

A volta está marcada para o próximo domingo, às 15h45, no Estádio Felipão, no interior do Piauí. Quem passar enfrenta na final da Série D o vencedor do confronto entre Novorizontino e Floresta-CE, que empataram em 1 a 1 na ida, no último sábado, no Castelão. A volta será no interior paulista, no sábado.

Como nas fases anteriores, o Mirassol entrou em campo determinado a buscar gols. Tanto que segue invicto em casa, agora com dez vitórias e um empate. Os paulistas ditaram o ritmo do jogo desde o início e imprimiam grande velocidade, definindo a goleada ainda no primeiro tempo.

Aos cinco minutos, Netto colocou na frente e foi parado apenas com falta já dentro da área. O árbitro assinalou a penalidade, cobrada e convertida por Fabrício Daniel, artilheiro do time na Série D com dez gols. Rafael Tavares ampliou aos 11 minutos.

Apesar da tentativa de reação, o time piauiense ainda levou dois gols na parte final do primeiro tempo, ambos marcados por João Carlos, aos 30 e aos 42 minutos. Na segunda etapa, o técnico Eduardo Baptista pediu para seus jogadores administrarem a vantagem, evitando tomar gols e mantendo o respeito ao adversário.

Tanto Mirassol como Altos já garantiram o acesso à Série C da temporada 2021 ao chegaram às semifinais, bem como Novorizontino e Floresta. Os quatro buscam o primeiro título nacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.