Divulgação/Mirassol
Divulgação/Mirassol

Mirassol libera Eduardo Baptista para o Juventude após eliminar o Grêmio

Enquanto a diretoria não define o substituto, time do Interior será comandado interinamente por Ivan Baitello

Redação, Estadão Conteúdo

02 de março de 2022 | 18h43

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira, Eduardo Baptista acertou o seu desligamento do Mirassol. O treinador vai comandar o Juventude na sequência da temporada.

"Hoje de manhã acertamos o desligamento do Eduardo Baptista do Mirassol. Esperamos anunciar o novo treinador ainda essa semana", disse o presidente do Mirassol, Edson Antônio Ermenegildo.

Na semana passada, Eduardo Baptista encaminhou o acerto com o Juventude, que vem sendo comandado interinamente por Eduardo Barros desde a saída de Jair Ventura. Faltava apenas decidir quando seria liberado pelo Mirassol.

A liberação acontece um dia depois da classificação para a 2ª fase da Copa do Brasil, que veio com a vitória sobre o Grêmio, por 3 a 2, no José Maria de Campos Maia. Além disso, o Mirassol é o vice-líder do Grupo C do Paulistão, com 16 pontos.

Ex-Sport, Fluminense, Ponte Preta, Palmeiras, Athletico-PR, Coritiba, Vila Nova, CSA e Remo, Eduardo Baptista tem 49 anos e chegou ao Mirassol em 2020, sendo campeão brasileiro da Série D no mesmo ano.

Enquanto a diretoria não define o substituto de Eduardo Baptista, o Mirassol será comandado interinamente por Ivan Baitello, auxiliar técnico fixo do clube. O time volta a campo no domingo, contra o São Bernardo, fora de casa, pela décima rodada do Paulistão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.