Mistério marca o retorno de Ronaldo

Mistério ainda cerca Ronaldo, na semana que lhe é mais importante nos últimos meses. O atacante brasileiro treina com regularidade na Internazionale, mas ainda não tem garantida presença em dois compromissos decisivos da equipe. O primeiro, na quinta-feira, contra o Valencia, pela Copa Uefa. O segundo, no domingo, diante da Roma, em que estará em jogo a liderança do campeonato italiano. As dúvidas partem do próprio clube milanês. O técnico Héctor Cúper mantém o discurso cauteloso, embora insinue que pode levar o craque na delegação que na quarta-feira embarca para a Espanha. As chances de Ronaldo aumentaram com a contusão de Vieri. O artilheiro do time sofreu torção no tornozelo, na vitória por 2 a 1 sobre o Lecce, na tarde de domingo, e deve ficar em tratamento. Assim, o ?Fenômeno? em princípio ficaria na reserva do uruguaio Recoba e do ganês Kallon, os mais cotados para iniciar a partida que vale vaga para as semifinais do torneio continental. Ronaldo seria aproveitado durante o jogo, pelo menos para testar sua recuperação, depois de três meses de novo afastamento. O brasileiro não joga desde 23 de dezembro, em conseqüência de estiramento muscular na coxa esquerda. A participação no clássico de fim de semana continua igualmente indecifrável. Agora, com a contribuição de Massimo Moratti. O presidente do clube afirmou nesta segunda-feira, em entrevista divulgada no site oficial da Inter, que ?nada? está decidido. ?Ronaldo tem grande vontade de jogar e isso é compreensível?, ponderou o dirigente. ?Mas precisamos ouvir a opinião dos médicos, dos fisioterapeutas, preparadores físicos e do treinador?, enumerou. ?Temos a semana toda para isso.? Nesta segunda-feira, o fisioterapeuta Milton Petroni, o Filé, disse que o atacante fez um de seus melhores treinos desde a sua recuperação iniciada mês passado no Rio. Segundo Petroni, o atacante durante uma 1h45 participou de treinamento físico e técnico marcando inclusive gols. ?O Ronaldo foi superbem no treinamento. Além de tocar na bola, participou normalmente de todos os exercícios físicos?, disse Filé por telefone, de Milão. Moratti esteve no centro de nova polêmica, no sábado. Jornais italianos publicaram desabafo que teria feito contra a CBF por considerar ?prematura? a convocação de Ronaldo para o jogo com a Iugoslávia, dia 27, em Fortaleza. O dirigente não desmentiu as frases que lhe foram atribuídas, mas a assessoria de Ronaldo garante que tudo não passou de ?invenção?.

Agencia Estado,

18 Março 2002 | 18h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.