Ivan Storti/Divulgação
Ivan Storti/Divulgação

Modesto avisa que Santos usará reservas na Copa do Brasil

Depois do Paulistão, time na Vila joga em Macapá, no Amapá

DANIEL BATISTA, Estadão Conteúdo

11 de abril de 2016 | 16h12

A equipe do Santos se prepara para uma longa maratona na semana que vem. Não por excesso de jogos, mas sim pela distância que o clube terá de atravessar para jogar. Após enfrentar o São Bento no sábado, às 18h30, na Vila Belmiro, pelas quartas de final do Campeonato Paulista, o time terá que encarar o Santos do Amapá, na quinta-feira, no Estádio Zerão, no Macapá, jogo em que o presidente Modesto Roma Júnior admite que sua equipe pode atuar com uma formação reserva.

"Vamos jogar no Macapá, que é bem mais longe que Buenos Aires. Tenho um elenco grande e não preciso colocar o Gabriel ou o Ricardo Oliveira. Não se esqueça que tenho um jogo na semana seguinte, após passar pelo São Bento, e não posso arriscar. Se o São Bento ganhar, podemos jogar com o time principal", explicou o dirigente.

Além da distância até a capital do Amapá, outro problema é o retorno para Santos. "A volta é às 18 horas de sexta-feira, pois só tem um horário de voo. Temos que ter responsabilidade, como outros deveriam ter também", disse.

O dirigente aprovou o fato da partida contra o São Bernardo ser no sábado. "Às 18h30 agradou, sim. Para Santos, é um horário bom. Ruim é domingo às 11h ou 19h30, que já foi todo mundo embora de Santos. Quarta-feira, às 22h, também não é bom", analisou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCModesto Roma Júnior

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.