Mogi Mirim abre 2 a 0, mas cede empate ao Rio Branco

Goleados na primeira rodada, Mogi Mirim e Rio Branco não conseguiram a reabilitação nesta quinta-feira. As duas equipes empataram por 2 a 2, no Estádio João Paulo II, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. O time da casa abriu 2 a 0, mas o Rio Branco reagiu e buscou a igualdade.  

AE, Agencia Estado

21 de janeiro de 2010 | 22h02

 

Veja também:

especial QUIZ - Você sabe tudo sobre o Paulistão?

lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

Apesar das fortes chuvas que castigam a cidade nos últimos dias, o gramado do Estádio João Paulo II estava em boas condições. Aliado à boa temperatura, os dois times adotaram um ritmo bastante forte.

O Mogi Mirim, porém, tomou mais as iniciativas ofensivas. E chegou ao seu gol aos 26 minutos. Niel invadiu a área e tocou para Geovane. Ele protegeu a bola e chutou de bico. O goleiro Cristiano ainda resvalou na bola, que bateu na trave e entrou.

No segundo tempo, o jogo continuou movimentado. Aos nove minutos, o zagueiro Flávio Boaventura, do Mogi, foi expulso ao cometer falta violenta. Mas dois minutos depois, Geovane sofreu pênalti. Ele mesmo cobrou e ampliou para o Mogi: 2 a 0.

O Rio Branco se atirou ao ataque. Aos 19 minutos, Anselmo Ramon diminuiu, chutando da entrada da área. E, aos 29 minutos, após cruzamento de Marcos Tamandaré, Luciano Emílio cabeceou de cima para baixo, empatando o jogo.

Com um a mais, o Rio Branco teve mais força ofensiva e mais chances de marcar. Aos 39 minutos, Márcio, do time de Americana, foi expulso.

No domingo, pela quarta rodada, o Mogi Mirim vai enfrentar o Santos, de novo, em casa, às 19h30. O Rio Branco vai receber o Botafogo, em jogo transferido para o Estádio Antônio Lins Guimarães, em Santa Bárbara d''Oeste, porque o Décio Vitta, em Americana, continua interditado.

MOGI 2 X 2 RIO BRANCO

Mogi Mirim - Alex Alves; Anderson Conceição, Flávio Boaventura e Fábio Sanches; Niel, Ricardo Oliveira, Audálio, Luiz Mário (Viña) e Raí (Jorge Preá); Marcelo (Rafael Bahia) e Geovane. Técnico: Francisco Diá

Rio Branco - Cristiano; Marcos Tamandaré, Alex Mineiro, Márcio Passos e Márcio Goiano (Maurinho); Fábio Baiano (Romarinho), Márcio Carioca, Flávio e Marcelinho (Felipe); Anselmo Ramon e Luciano Emílio. Técnico: Ademir Fonseca

Gols - Giovane, aos 26 minutos do primeiro tempo, e aos 12 do segundo tempo (pênalti); Anselmo Ramon, aos 19, e Luciano Emílio, aos 29

Cartões amarelos - Anderson Conceição, Audálio, Viña (Mogi Mirim); Marcelinho (Rio Branco)

Cartões vermelhos - Flávio Boaventura (Mogi Mirim); Márcio Passos (Rio Branco)

Árbitro - Vinícius Furlan

Renda - Não disponível

Público - 256 pagantes

Local - Estádio Papa João Paulo II, em Mogi Mirim (SP)

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.