Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Mogi Mirim aposta em retrospecto em casa para ir à final do Paulistão

Em 11 jogos em seu estádio, time do interior venceu oito, empatou um e perdeu dois

AE, Agência Estado

30 de abril de 2013 | 18h41

O fato de jogar em casa e os recentes confrontos contra o Santos animam o Mogi Mirim para o duelo da semifinal do Paulistão no próximo sábado, no Estádio Romildo Vitor Ferreira, em Mogi Mirim. O time do interior venceu o adversário sete vezes em confrontos pelo campeonato estadual, todas elas diante de sua torcida.

Todas as vezes que derrotou o Santos, o Mogi Mirim estava dentro de casa. Foi assim em 1986, 1987, 1993, 1996, 2000, 2010 e 2012. Neste ano, os dois times se enfrentaram na Vila Belmiro, sendo que houve empate de 2 a 2, graças ao gol de Wagninho nos minutos finais que evitou a vitória santista.

Nesta temporada, o Mogi Mirim tem se aproveitado bastante do fator casa. Em 11 jogos em seu estádio, foram oito vitórias, um empate e duas derrotas. No retrospecto geral, os dois times já se enfrentaram 34 vezes na história, com 17 vitórias do Santos, 10 empates e sete vitórias do Mogi.

INGRESSOS

A diretoria do Mogi Mirim irá disponibilizar uma carga de 16 mil entradas, que começam a ser comercializadas na quinta-feira, a partir das 9 horas, nas bilheterias do Estádio Romildo Vitor Ferreira e vários outros pontos de venda na cidade.

Os dirigentes do clube reservaram 10 mil entradas para os torcedores da casa. Os outros seis mil bilhetes serão vendidos aos santistas. O preço dos ingressos de arquibancada será R$ 30 para as duas torcidas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.