Mogi Mirim vai priorizar a marcação

O técnico do Mogi Mirim, Jorge Raulli, está preparando o time para enfrentar o Londrina no próximo domingo, às 16 horas, de uma maneira diferente em relação à equipe que venceu a Portuguesa por 2 a 1 na última rodada do Campeonato B rasileiro da Série B.O treinador quer o Mogi ligado o tempo todo na partida contra os paranaenses. Segundo Raulli, em alguns momentos "o time parece que pára em campo", deixando espaços para os adversários. Mas, para ele, não é só a defesa que precisa estar atenta e sim toda a equipe."Quando se fala em marcação, você logo pensa na defesa. Mas para mim a boa marcação começa com os atacantes e jogadores de meio campo", declarou Raulli, que vai comandar o Mogi pela terceira vez neste campeonato.Com a nova marcação, o treinador decidiu não fazer muitas mudanças. Na defesa Marcão fará a estréia no time, em lugar de Chicão, que levou o terceiro cartão amarelo. Seu companheiro de defesa será Joel, que está liberado para jogar após cumprir suspensão . A outra alteração acontece no ataque. Ao lado de Clóvis, Sandro Silva está confirmado na vaga deixada por Dênis, que foi negociado com o futebol do Oriente Médio.

Agencia Estado,

07 de agosto de 2003 | 16h59

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.