Mogi não fará marcação especial

Com aproveitamento de 100% até agora no Campeonato Paulista, o Mogi Mirim enfrenta o Santos nesta quinta-feira, no estádio Wilson de Barros. O técnico José Carlos Serrão adiantou que não pretende adotar nenhum esquema especial de marcação sobre os atuais campeões brasileiros. "Não adianta fazer marcação especial no Robinho ou no Deivid. Quando não são eles, Ricardinho, Elano e agora o Fábio Baiano aparecem voando de trás", explicou o técnico do Mogi.Serrão acredita que o melhor a fazer neste momento é manter a estratégia que vem dando certo. "O Santos não vai mudar seu estilo para pegar a gente e nós devemos fazer o mesmo. Temos que ter equilíbrio, não adianta ficar só atrás ou sair com tudo", afirmou o técnico. "Quem vencer poderá abrir uma boa vantagem sobre os demais concorrentes e para nós, uma vitória servirá para consolidar a boa fase, pois ainda tem gente que não está acreditando no que está vendo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.