Mogi quer aproveitar desmanche do rival

Embora esteja apenas cumprindo tabela, o Mogi Mirim espera vencer os dois jogos que lhe restam para terminar bem a disputa da Série B do Brasileiro. No jogo deste domingo, contra o América-RN, em Natal, o time paulista quer se aproveitar do recente desmanche feito pelo adversário.Sem esperanças de classificação para a próxima fase, a diretoria do América dispensou o técnico Wagner Oliveira - o comandante dos juniores do time, Severino Dias, será o substituto - e decidiu liberar o zagueiro Gito, o volante Silva Baiano, os meias Geraldo e Rodrigo Tabata, além do atacante Helinho. Destes, porém, somente Rodrigo Tabata não deve enfrentar o Mogi. Os outros serão liberados na segunda-feira.Apesar do momento conturbado no adversário, o técnico Jorge Raulli acredita que o time do Mogi não terá vida fácil. "Não sei o que realmente aconteceu no América, mas eles têm um bom elenco e, se surgirem alguns desfalques, terão peças de reposição", disse o treinador. "Mas, independente disso, queremos a vitória", completou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.