Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Mogi quer fazer história contra Botafogo

Os jogadores do Mogi Mirim querem fazer história no clube na partida contra o Botafogo, neste sábado, às 16 horas, no Estádio "Wilson Fernandes de Barros", em Mogi, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Essa será a primeira vez que o clube carioca jogará na cidade do interior paulista. Além da primeira vitória contra o Botafogo, o Mogi ainda busca os três pontos para arrancar em busca de uma vaga na segunda fase. O time ocupa o 19º lugar, com 21 pontos, mas ainda tem boas chances de ficar entre os oito primeiros, uma vez que o campeonato está bastante equilibrado. Para esse grande duelo, o técnico Jorge Raulli terá dois desfalques: o zagueiro Chicão, expulso na vitória sobre o América-MG (3 x 0), e o meio campo Batista, suspenso pelo terceiro amarelo. Os jogadores serão substituídos por Paulinho e Maninho respectivamente. Essas devem ser as únicas mudanças no time. O experiente atacante Cléber, confirmado entre os titulares, espera por um grande duelo. "Esse jogo tem um sabor especial, afinal de contas vamos enfrentar um grande clube e que tem história. Mesmo estando na Série B, se vencermos, daqui há dez ou vinte anos vai estar registrado que o Mogi venceu o Botafogo", enfatizou.

Agencia Estado,

22 de agosto de 2003 | 16h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.