Mogi vence Botafogo e ganha sobrevida no Paulistão

Time supera o adversário por 3 a 2 e ainda sonha em continuar na elite do futebol paulista em 2010

Agencia Estado

28 de março de 2009 | 20h37

MOGI MIRIM - O Mogi Mirim ganhou uma sobrevida no Campeonato Paulista ao vencer o Botafogo, por 3 a 2, neste sábado à noite, no Estádio João Paulo II, em Mogi, pela 17.ª rodada.

Veja também:

tabela Campeonato Paulista - Classificação 

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Foi a segunda vitória consecutiva do Mogi, que antes tinha batido o Oeste, por 2 a 1, e agora sonha em escapar do rebaixamento. O time soma agora 15 pontos, deixando a lanterna para ocupar, provisoriamente, a 17.ª posição, ainda na zona da degola. O Botafogo continua com 19 pontos, em 11.º lugar.

O sobrevivente Mogi Mirim, agora, se mira nos últimos dois jogos. Na próxima terça-feira recebe o Bragantino, às 21h50, e na última rodada enfrenta o Noroeste, em Bauru. O Botafogo, ainda de olho na disputa do Título do Interior, vai receber a Ponte Preta, quinta-feira, e depois vai pegar o líder Palmeiras.

Debaixo de muita chuva, os dois times mostraram muita disposição no primeiro tempo. O Mogi abriu o placar aos 22 minutos, quando Luciano testou firme depois do cruzamento do lado direito. O Botafogo tentou reagir no segundo tempo, mas abriu muitos espaços para os contra-ataques do time da casa.

O Mogi ampliou aos 23 minutos, com Naves, que apareceu sozinho na pequena área para completar com o pé direito depois da falta cobrada por Giovanni. A defesa reclamou e pediu impedimento.

A vitória que parecia definida quase escapou. O Botafogo diminuiu com o zagueiro Everton Luís, de cabeça, após cobrança de escanteio, aos 29. O empate saiu aos 38 minutos, numa grande falha do goleiro Marcelo Cruz. Após escanteio cobrado por Branquinho, o goleiro tentou dar o soco e mandou a bola contra as próprias redes, aos 41.

Mas o Mogi Mirim, que jogou melhor, conseguiu chegar à vitória. Depois de cruzamento, Joelson, em posição de impedimento, ajeitou de cabeça para João Sales, na pequena área, completar para o gol.

MOGI MIRIM 3 X 2 BOTAFOGO

Mogi Mirim - Marcelo Cruz; Halisson, Thiago Couto e Anderson Conceição; Jackson, Julio César (Naves), Luis Henrique, Giovanni (Joelson) e Zé Rodolpho (Rick); Luciano e João Sales. Técnico: Givanildo Oliveira.

Botafogo - Paulo Musse; Marco Aurélio, Éverton Luis, Rafael Pedro e Calisto; Augusto Recife, Jonílson, Branquinho e Walter Minhoca; André Neles (Thiago Silvy) e Adriano (Rudinei). Técnico: Roberto Fonseca.

Gols - Luciano, aos 22 minutos do 1.º tempo. Naves, aos 23, e Éverton Luís, aos 29, Marcelo Cruz (contra), aos 38, e João Sales, aos 41 minutos do 2.º tempo.

Cartões amarelos - Luis Henrique, Jackson, Zé Rodolpho (Mogi Mirim); Walter Minhoca e Augusto Recife (Botafogo).

Árbitro - Guilherme Cereta de Lima.

Local - Estádio Papa João Paulo II, em Mogi Mirim (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.