Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

Moisés afirma que Palmeiras vive melhor momento na temporada

Meia destaca sequência de jogos sem levar gol e produção ofensiva contra o Bahia como provas da boa fase

Ciro Campos, O Estado de S. Paulo

17 Agosto 2018 | 11h00

Os seis jogos do Palmeiras sem perder nem levar gol já arrancam demonstrações de otimismo dos jogadores. Nesta quinta-feira, depois da vitória por 1 a 0 sobre o Bahia e a classificação para a semifinal da Copa do Brasil, o meia Moisés afirmou que a equipe vive o melhor momento no ano, por conciliar a produção ofensiva com uma estabilidade defensiva.

O jogo no Pacaembu rendeu a vaga na próxima fase e a confirmação do encontro com o Cruzeiro, atual campeão do torneio. "Acredito que pela forma que os resultados estão vindo está sendo o melhor momento, sem dúvida", disse o meia Moisés. O Palmeiras bateu o Bahia com um gol marcado por Dudu, aos 28 minutos do segundo tempo.

Moisés afirmou que a série de bons resultados tem como diferencial ter sido construída com atuações convincentes. "Até tivemos sequência de vitórias e jogos sem perder, mas a gente sofria um pouco, corria riscos e tomava gols. Nesse momento, além das vitórias, não temos tomado gols. Por mais que seja por 1 a 0, não precisamos correr atrás do resultado", comentou.

O Palmeiras igualou nesta quinta-feira a série de seis jogos sem levar gol obtida entre setembro e outubro de 2008. A equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo manteve a defesa invicta entre compromissos da Copa Sul-Americana e do Campeonato Brasileiro contra Cruzeiro, Náutico e dois confrontos contra Vasco e Sport Ancash, do Peru.

"Tivemos pelo menos cinco ou seis chances claras, que não podemos nos dar ao luxo de errar. Ainda bem que conseguimos ainda fazer 1 a 0 e garantir a partida", afirmou Moisés. No próximo domingo o Palmeiras volta a campo pelo Campeonato Brasileiro. O adversário será o Vitória, em Salvador.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.