Monaco frustra o Santos e contrata revelação colombiana

O atacante Juan Pablo Pino, destaque da Colômbia na disputa do Campeonato Sul-Americano sub-20 no Paraguai, decepcionou o Santos nesta segunda-feira ao acertar a sua transferência para o francês Monaco. Segundo o empresário do jogador, Luis Felipe Posso, o jovem de 19 anos já viajou à Europa para passar por exames médicos e assinar o contrato. Os valores da negociação não foram revelados. ?Isso (negociação) é muito bom para Juan Pablo e para o Independiente Medellín (clube que detém os direitos federativos do atleta)´´, disse Posso à Rádio Caracol. O empresário revelou que a Udinese, da Itália, também havia feito uma oferta pelo atleta, mas que a quantia oferecida pelos franceses foi superior. Há duas semanas, os dirigentes do Santos revelaram que estavam interessados na contratação do colombiano. O presidente da equipe paulista, Marcelo Teixeira, estava à procura de um empresário para comprar o passe da revelação e repassá-lo ao Santos para a disputa da Copa Libertadores da América. Embora o valor da negociação não tenha sido revelado, o Independiente Medellín pedia cerca de US$ 2 milhões (aproximadamente R$ 4,3 milhões) por 50% dos direitos federativos. Pino, que marcou dois gols no Sul-Americano, foi convocado para defender a Colômbia no amistoso com o Uruguai, no dia 17 de fevereiro, na cidade de Cucuta (COL).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.