Mondragón se torna o jogador mais velho a atuar em um Mundial

Durante a vitória da Colômbia em Cuiabá, o goleiro ultrapassou o camaronês Roger Milla ao disputar um jogo de Copa aos 43 anos

O Estado de S. Paulo

24 Junho 2014 | 18h43

O goleiro colombiano Faryd Mondragón se tornou nesta terça-feira o jogador mais velho a atuar em uma Copa do Mundo. Aos 38 minutos o jogador de 43 anos entrou na vitória por 4 a 1 sobre o Japão, em Cuiabá, e superou o camaronês Roger Milla, que tinha 42 anos quando atuou na Copa de 1994.

Mondragón esteve na seleção colombiana nos Mundiais de 1994, nos Estados Unidos, e também na França, em 1998, quando foi o titular da equipe. Na ocasião, o jogador disputou todas as três partidas na competição. A Colômbia acabou eliminada na primeira fase, após derrota para Romênia (1 a 0) e Inglaterra (2 a 0). O time sul-americano ainda bateu a Tunísia por 1 a 0. Nas Copas de 2002, 2006 e 2010, a equipe colombiana ficou fora da competição. 

Nesta terça-feira, o goleiro entrou em campo bastante aclamado pela torcida colombiana, aos 40 minutos do segundo tempo, quando o placar apontava 3 a 1. No último lance do jogo, ainda evitou o segundo gol japonês após uma conclusão dentro da área.

Além de Milla e Mondragón, mais três atletas jogaram uma Copa do Mundo com mais de 40 anos. Em 1986, o goleiro Pat Jennings enfrentou o Brasil no dia em que completou 41 anos. Na Copa da Itália, em 1990, outro goleiro, Peter Shilton, entrou em campo aos 40 anos e 9 meses. Em 1982, Dino Zoff erguer a taça pela Itália aos 40 anos e 4 meses. Pelo Brasil, o recordista é Djalma Santos, que jogou a Copa de 1966 aos 37 anos e 4 meses.

Confira a lista dos jogadores mais velhos em Copas:

Mondragón, 43 anos e 3 dias: Colômbia 4 x 1 Japão (Copa 2014)

Roger Milla, 42 anos, 1 mês e 8 dias: Rússia 6 x 1 Camerões (Copa 1994) 

Pat Jennings, 41 anos: Brasil 3 x 0 Irlanda do Norte (Copa 1986) 

Peter Shilton, 40 anos, 9 meses e 19 dias: Itália 2 x 1 Inglaterra (Copa 1990)

Dino Zoff, 40 anos, 4 meses e 13 dias: Italia 3 x 1 Alemanha (Copa 1982)

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.