Montillo bate 'muralha' em gol marcado por equipe de Cuca na Ásia

Argentino supera barreira formada por oito em cobrança de tiro livre

O Estado de S. Paulo

08 de abril de 2015 | 19h04

O empate por 4 a 4 entre o time chinês Shandong Luneng e o Kashiwa Reysol, do Japão, pelo Grupo E da Liga dos Campeões da Ásia, registrou um lance interessante envolvendo um velho conhecido da torcida brasileira. No terceiro gol da equipe chinesa na partida, o meia argentino Montillo, ex-Santos e Cruzeiro, teve de vencer uma verdadeira 'muralha' japonesa para marcar.

O gol ocorreu após o árbitro anotar infração dentro da área para o Shandong Luneng, comandado pelo brasileiro Cuca, e que ainda conta com os brasileiros Diego Tardelli, ex-Atlético-MG, Aloísio 'Boi Bandido', ex-São Paulo, e Junior Urso, ex-Coritiba (que marcou um dos gols da partida). Montillo realizou a cobrança em dois toques. Após receber do companheiro de equipe, o argentino venceu oito jogadores de linha e mais o goleiro para fazer o terceiro do Shandong.

O resultado acabou sendo ruim para os chineses, que estacionam na terceira posição do Grupo E na competição continental, com quatro pontos conquistados. Os japoneses do Kashiwa Reysol, na segunda posição, com oito pontos, têm a mesma pontuação do líder Jeonbuk Hyundai Motors, da Coreia do Sul, que leva vantagem no saldo de gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.