Daniel Teixeira/Estadão - 17/01/2015
Daniel Teixeira/Estadão - 17/01/2015

Montillo tem proposta do Fla, mas falta aval do Shandong Luneng

Com problemas de adaptação à China, argentino está disposto a ter uma redução em seu salário para poder voltar ao Brasil

Estadão Conteúdo

20 de janeiro de 2015 | 19h17

O Flamengo pode, enfim, ter definido um nome de peso para reforçar o meio de campo. O argentino Montillo revelou ter conversas adiantadas com o time rubro-negro. Mas, para que a negociação possa ser fechada, ainda falta a liberação de seu clube atual, o Shandong Luneng, da China, que faz uma turnê pelo Brasil.

Embora seja considerado fundamental no time chinês, o argentino e sua família têm problemas de adaptação ao país. Para voltar ao Brasil, onde já defendeu Santos e Cruzeiro, Montillo estaria disposto até a sofrer uma redução salarial. E se mostrou animado com a possibilidade de jogar no time carioca.

"Foi a única proposta que chegou e é uma oportunidade muito boa de vestir a camisa do Flamengo. Foram muitas sondagens, o tempo ia passando, o Flamengo estava interessado e escolhi isso, pois aqui no Rio tenho tudo que quero para minha família", disse Montillo em entrevista coletiva nesta terça-feira, no Rio.

O argentino, contudo, pede cautela. "Já falei da minha vontade e não posso ficar mais falando. Agora é parte do Cuca e o presidente dar um retorno para o Flamengo, pois vai virar uma novela que não quero e tenho de respeitar o clube em que estou jogando".

Alheios a essa negociação, os jogadores do Flamengo se concentram para o clássico contra o Vasco, nesta quarta-feira, a partir das 22 horas (de Brasília), em Manaus. Diante da festa que os torcedores de ambos os times fizeram no desembarque das delegações na capital amazonense, a expectativa é de bom público na Arena Amazônia.

Apesar de ser um jogo amistoso, válido por um torneio triangular em que o São Paulo também participa, personagens das duas equipes exaltaram a rivalidade e admitiram que, dentro de campo, vai ser um campeonato à parte em busca da vitória.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.