Érico Leonan/São Paulo FC
Érico Leonan/São Paulo FC

Morato avança em recuperação de cirurgia e deixa departamento médico do São Paulo

Atacante passou por procedimento em maio de 2017 que o deixou fora dos gramados desde então

Matheus Lara, O Estado de S.Paulo

10 Janeiro 2018 | 14h12

O atacante Morato, que foi submetido em maio de 2017 a uma cirurgia no joelho direito por causa de uma grave lesão, avançou em sua recuperação e foi liberado pelo Reffis do São Paulo para treinar com o restante do grupo. Nesta quarta, ele deu início aos trabalhos de preparação física, etapa final para poder treinar com bola normalmente.

São Paulo oficializa contratação do zagueiro Anderson Martins

Enquanto alguns jogadores faziam um treino tático, fechado à imprensa, Morato e outros atletas, como Diego Souza e Cueva, fizeram um trabalho técnico de preparativos da pré-temporada. Neste processo de transição, seguindo a recomendação da comissão técnica, Morato atuou como curinga para evitar os choques acidentais com os companheiros.

O jogador sofreu a lesão após um trauma no joelho direito durante o jogo-treino contra o Oeste, no dia 6 de maio do ano passado. O atacante foi submetido a uma cirurgia para reconstrução dos ligamentos colateral medial e cruzado posterior do joelho direito e, desde então, vem cumprindo a programação do departamento médico para voltar ao campo.

Morato teve uma única atuação desde que chegou ao clube, depois de se destacar no Ituano no Estadual do ano passado. Sua única exibição chamou atenção e deixou a torcida com grande expectativa. O São Paulo vivia um momento difícil: tentava reverter fora de casa uma vantagem de 2 a 0 do Cruzeiro na quarta fase da Copa do Brasil. No Mineirão a vitória veio, mas não foi suficiente: 2 a 1 e o adeus precoce do São Paulo ao torneio nacional. Morato se destacou na partida, dando uma assistência para Lucas Pratto.

Enquanto se recuperava da lesão, chegou a pensar que não teria chance de atuar novamente pelo São Paulo, como contou ao Estado, já que seu contrato de empréstimo ia até dezembro de 2017. Mas renovou, e agora está garantido no clube tricolor até dezembro deste ano.

Mais conteúdo sobre:
Morato São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.