Morre o ex-presidente do São Paulo Marcelo Portugal Gouvêa

Um dos mais vitoriosos dirigentes do clube, faleceu vítima de insuficiência cardíaca; enterro será às 13h

Redação,

30 Novembro 2008 | 10h33

Morreu na noite deste sábado, vítima de complicações em uma operação de ponte de safena, o ex-presidente do São Paulo, Marcelo Portugal Gouvêa. Um dos mais vitoriosos dirigentes da história do clube, tinha 70 anos e sofria de insuficiência cardíaca.   Marcelo Portugal Gouvêa presidiu o São Paulo de 2002 a 2006. Em sua gestão, o time conquistou títulos importantes, entre eles: um Campeonato Paulista, uma Libertadores, um Mundial de Clubes - todos esses em 2005 -, além de fazer parte da diretoria nos títulos dos campeonatos brasileiros de 2006 e 2007.   O corpo de Marcelo Portugal Gouvêa está sendo velado no Hospital Sírio Libanês. O enterro está marcado para às 13 horas, no Cemitério São Paulo. Apesar do luto, o São Paulo entra em campo neste domingo, às 17 horas, de olho no título de campeão brasileiro. Uma vitória simples sobre o Fluminense, no Morumbi, dá ao time o terceiro título consecutivo, o sexto na história do clube.  HOMENAGEM O diretor da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Virgilio Elísio, informou que todos os dez jogos da 37.ª rodada do Campeonato Brasileiro neste domingo, terão um minuto de silêncio respeitado em memória do dirigente.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.