Morre o medalhista olímpico mais velho

O ex-jogador de hóquei Feroze Khan, medalhista de ouro olímpico mais velho do mundo, morreu na noite desta quarta-feira, na cidade paquistanesa de Karachi, sete meses depois de celebrar seu centenário. Khan jogou na seleção masculina de hóquei na grama da Índia - país que defendeu antes da independência do Paquistão - nos Jogos Olímpicos de 1928, em Amsterdã, na Holanda. ?É uma enorme perda para o hóquei paquistanês?, disse o ex-atleta e hoje secretário da Federação de Hóquei do Paquistão, M.H. Atif. ?Apesar de ter jogado apenas pela Índia, ele teve um papel importantíssimo na formação da equipe paquistanesa, que ganhou o ouro olímpico pela primeira vez nos Jogos de 1960, em Roma?, disse.

Agencia Estado,

21 Abril 2005 | 14h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.