Reprodução
Reprodução

Morteiro atinge goleiro da Rússia, que vai do campo para o hospital

Igor Akinfeev foi atingido por um rojão vindo da torcida da casa

Estadão Conteúdo

27 Março 2015 | 17h52

O goleiro Igor Akinfeev, da Rússia, foi atingido por um morteiro, uma espécie de rojão, com apenas 20 segundos depois do pontapé inicial da partida contra Montenegro. O jogador do CSKA Moscou caiu no momento da explosão em sua nuca, foi atendido e deixou o gramado de maca. Após a saída do goleiro, o árbitro pediu para que os atletas fossem para os vestiários e suspendeu a partida por cerca de 30 minutos.

O jogo, válido pelas Eliminatórias da Eurocopa da França, em 2016, está sendo realizado na cidade de Podgorica, capital de Montengero. Este é o primeiro confronto na história do futebol entre as duas seleções. Akinfeev foi examinado pelo departamento médico russo e encaminhado a um hospital. Acabou substituído por Yuri Lodygin, do Zenit, no reinício da partida.

Ainda não se sabe que tipo de punição Montenegro vai sofrer, mas a Uefa costuma ser rigorosa com atos violentos nas partidas. Como o fogo de artifício partiu de um setor do estádio onde estavam torcedores da casa, Montenegro deve sofrer alguma sanção pelo ação e também pela falta de segurança, podendo até ser excluída da competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.