Mortos em Gana podem ser mais de 100

As informações divulgadas por volta das 19h30 pelos hospitais de Accra, em Gana, revelam que pelo menos 100 pessoas morreram por causa do tumulto ocorrido no estádio da cidade, nesta quarta-feira, no final do jogo entre as equipes do Hearst of Oak e Kumasi Ashanti. Segundo as primeiras notícias das agências internacionais, o número de mortos chegava a 20 e ainda havia centenas de feridos, mas não há um saldo final da tragédia. As autoridades do país ainda não apresentaram dados oficiais.A tragédia de Gana começou no final da partida em que o Hearts of Oak derrotou o Kumasi Ashanti por 2 a 1, pelo campeonato local. Torcedores do Kumasi protestaram contra o resultado e quebraram assentos das arquibancadas. A polícia interveio com gás lacrimogêneo e fechou as saídas do estádio. Houve pânico, correria e, segundo os relatos iniciais, a maioria dos mortos foi pisoteada.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.