AFP
AFP

Moscou é confirmada como sede de abertura e final da Copa de 2018

Calendário oficial é divulgado e distâncias entre sedes preocupam

O Estado de S. Paulo

24 de julho de 2015 | 08h09

O estádio Luzhniki, em Moscou, receberá a partida de abertura e a final da Copa do Mundo de 2018, após a confirmação do calendário de partidas da competição, que foi divulgado pela Fifa nesta sexta-feira.

Kazan, Nizhny Novgorod, Sochi e Samara serão os locais das quartas de final, enquanto São Petersburgo e Moscou receberão as semifinais. A Rússia jogará a partida de abertura em 14 de junho. A segunda partida do time da casa será em São Petesburgo e, a terceira, em Samara. A final será em 15 de julho.

Uma das preocupações das federações com relação à Copa na Rússia é a grande distância entre as cidades no país com maior território do mundo. Uma equipe do Grupo D, por exemplo, começará o torneio em Kalingrado (na parte ocidental, próxima da fronteira com a Polônia), depois viajará mais de 1.700 quilômetros para jogar em Volgograd antes de rumar ao norte, para São Petesburgo, para fechar a primeira fase, totalizando mais de 3.300 quilômetros.

Outro time, do Grupo G, jogará, respectivamente, em Sochi, Moscou e Yekaterinburg, totalizando 2.800 quilômetros na primeira fase. Porém, os organizadores garantem que isso não será um problema e ainda aproveitaram para 'cutucar' o Brasil, sede da última Copa, que teve de lidar com deslocamentos ainda maiores no Mundial.

"Na Rússia, é fácil. As comunicações são bem construídas, temos tráfego aéreo, ferroviário, viário, aquático... Não vemos nenhum problema nisso'' , afirmou o ministro do Esporte Vitaly Mutko.

A Copa das Confederações de 2017, torneio de oito times que inclui os campeões de cada continente, o país sede e o campeão mundial, acontecerá entre 17 de junho e 2 de julho, de acordo com a Fifa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.