Eddie Keogh/Reuters
Eddie Keogh/Reuters

Mourinho diz que está melhor do que nunca no Chelsea

Treinador volta a comandar o time em Stamford Bridge seis anos após sair do clube

AE, Agência Estado

16 de agosto de 2013 | 12h49

LONDRES - De volta ao comando do Chelsea, o técnico José Mourinho vai retornar ao Stamford Bridge neste domingo, quando o time londrino vai estrear no Campeonato Inglês diante do Hull. E o português deu uma esperança aos torcedores de ter ainda mais sucesso nessa segunda passagem ao declarar que se sente no seu melhor momento. "Eu acho que agora eu estou provavelmente melhor do que nunca, porque a experiência nos ajuda a ser melhor", disse.

Após levar o Porto ao título da Liga dos Campeões da Europa, Mourinho chegou ao Chelsea em 2004 e faturou dois títulos do Campeonato Inglês (2004/2005 e 2005/2006) pelo clube até sair em 2007 para dirigir a Inter de Milão. Depois, teve uma passagem turbulenta pelo Real Madrid, antes de retornar ao time londrino. Dois dias antes da sua volta ao Stamford Bridge, o técnico português fez uma declaração de amor ao Chelsea e ao futebol inglês.

"Eu vou para Stamford Bridge, eu vou para o meu povo, mas ao mesmo tempo eu quero dizer a todos neste país que vão todo fim de semana para cada estádio, eu quero dizer que sou um deles. Eu não sou apenas um azul, eu sou um deles. Eu amo este país do futebol e eu quero tentar dar alegria a todos", disse Mourinho, admitindo que vai se emocionar nessa volta ao Stamford Bridge como técnico do Chelsea.

"Para mim, não tenho grande experiência em muitos países com muitos grandes clubes, mas por estar de volta, haverá um sentimento especial. Eu tinha quando jogava em Stamford Bridge com a Inter, mas agora, eu vou para o meu banco, ao meu estádio, para o meu povo. Eu tenho que me controlar porque eu vou sentir algo diferente com certeza, mas depois de alguns minutos, eu preciso estar focado no jogo", disse.

Mourinho revelou que preferia que o Chelsea não estreasse no Campeonato Inglês diante de um time que ascendeu da segunda divisão - foi vice-campeão na temporada passada. "O começo é difícil, eu não gosto de jogar contra equipes que vêm divisão de acesso, porque eles vêm motivados, eles vêm como uma equipe que, semana após semana, foram ganhando jogos", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
futinterfutebolChelseaJosé Mourinho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.