Mourinho pega 3 jogos de suspensão por insultar arbitragem

A Justiça italiana puniu com três jogos de suspensão o técnico português José Mourinho por insultos ao árbitro da partida entre a Inter de Milão e Sampdoria, pelo Campeonato Italiano.

EFE,

22 de fevereiro de 2010 | 15h17

Segundo a liga italiana, Mourinho também foi punido com uma multa de 40 mil euros ao ter contestado "repetidamente" a atuação da equipe com "comportamentos teatrais".

Mourinho teria cruzado os pulsos após a expulsão do argentino Walter Samuel e no primeiro amarelo do colombiano Ivan Córdoba, repetindo posteriormente o gesto com a expulsão dele pelo segundo cartão. As câmeras da televisão registraram tudo.

A partida foi disputada sábado passado, no estádio Giuseppe Meazza, e acabou empatada em 0 a 0. O resultado deixou a Inter com apenas cinco pontos de vantagem sobre a Roma na liderança do Italiano - 55 a 50.

Além disso, o português pegou punição pesada por proferir "expressões injuriosas" ao trio de arbitragem na ida para o intervalo e protestar diversas vezes pela presença das autoridades da liga italiana perto dos bancos do estádio.

Mourinho não foi o único punido da Inter. O argentino Esteban Cambiasso ficará dois jogos afastado por tentar agredir um adversário com um soco no túnel dos vestiários do Giuseppe Meazza.

O ganês Sulley Ali Muntari, também do clube de Milão, pegou a mesma punição ao "repetir uma expressão injuriosa" aos árbitros quando saiu do campo, aos 35 minutos de jogo.

A lista de punições inclui ainda uma multa de 1.500 euros ao camaronês Samuel Eto'o. O ex-atacante do Barcelona simulou um pênalti na área adversária.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.