Michael Regan/EFE
Michael Regan/EFE

Mourinho quer que Bale se recupere logo de lesão para poder estrear no Tottenham

Treinador português só deve contar com o reforço vindo do Real Madrid na segunda quinzena de outubro

Redação, Estadão Conteúdo

21 de setembro de 2020 | 10h03

Satisfeito com a contratação do atacante galês Gareth Bale, confirmada no último sábado após negociações com o Real Madrid, o técnico português José Mourinho quer que o jogador se recupere logo de uma lesão no joelho para poder fazer a sua estreia no Tottenham. O departamento médico do clube inglês espera que isso aconteça na segunda quinzena de outubro.

"Não sei quando Gareth estará de volta (aos treinamentos). O que sei é que sua motivação está muito grande. Está muito feliz de estar aqui conosco", afirmou José Mourinho em entrevista ao jornal inglês Evening Standard.

Bale, que foi emprestado pelo Real Madrid ao Tottenham por uma temporada, se machucou em uma partida do País de Gales neste mês, pela Liga das Nações da Uefa. "Quando um jogador tem essa motivação, muitas vezes pode acelerar o prazo de recuperação (de uma lesão) e estar preparado antes para jogar", completou, esperançoso, o treinador português.

O galês revelou no fim de semana que trabalhar com José Mourinho foi um grande motivo para seu retorno ao Tottenham, onde jogou de 2207 a 2013 até ser negociado com o Real Madrid. "Ele me falou sobre algumas posições que gostaria que eu jogasse e obviamente estou feliz com isso. Mourinho foi um grande motivo para voltar. Ele é um nome conhecido e um vencedor. É perfeito para o Tottenham. Precisamos ganhar troféus e ele sabe como fazer isso melhor do que ninguém", disse Bale ao canal de TV inglês BT Sport.

Na mesma entrevista, o atacante galês mandou um recado para a torcida do Tottenham. "Sei que todos os torcedores do Tottenham estão desesperados por um troféu e vamos dar o nosso melhor em todas as competições para o conseguir", completou.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.