Wilton Júnior/AE - 29/4/2010
Wilton Júnior/AE - 29/4/2010

MP-RJ investigará furto de medalhas do Fluminense

Alguns representantes do time ficaram sem suas condecorações por título do último Brasileirão

PRISCILA TRINDADE, Agência Estado

07 de janeiro de 2011 | 11h59

A Procuradoria-Geral de Justiça encaminhou para a 1ª Central de Inquéritos do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ) o pedido de investigação sobre o furto das medalhas entregues ao Fluminense pela conquista do título do último Campeonato Brasileiro, feita pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Veja também:

linkAprovado em exames, Souza assina com o Fluminense

linkMuricy Ramalho descarta improvisar Souza no Fluminense

Alguns representantes do time, entre eles o técnico Muricy Ramalho, ficaram sem as suas condecorações. No documento entregue ao MP-RJ, a CBF esclarece que pediu a cunhagem de novas medalhas. O Diretor Jurídico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Carlos Eugenio Lopes, foi recebido na quinta-feira, no Ministério Público, para discutir o assunto.

Lopes disse que a confederação também ficou surpresa com as notícias divulgadas pela imprensa de que uma das unidades furtadas estava sendo vendida pela internet por alguém que afirmou ter conseguido o produto através de um "conhecido que trabalha na CBF".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.