Mudança no horário preocupa Parreira

A antecipação do jogo entre Corinthians e Americano de domingo para sábado, às 16 horas, no Canindé, por medida de segurança, atrapalhou os planos do técnico do clube paulista, Carlos Alberto Parreira. Na visão do treinador, o time perdeu um dia de trabalho como preparação para a segunda partida do Torneio Rio-São Paulo, que poderia ser importante para os jogadores recuperarem a forma ideal."Neste início de temporada, um dia de treino é fundamental", afirmou o técnico, que contando com a partida contra o Americano no domingo, deu folga na segunda-feira para os atletas. Mas no início da tarde desta terça-feira, Parreira foi informado que o jogo foi antecipado para sábado, por recomendação da Polícia Militar. No domingo estava marcado na cidade o jogo entre São Paulo e Vasco, às 16 horas, no Morumbi, por isso a PM achou que seria arriscado a partida entre o Corinthians e Americano no mesmo dia e horário.Prejuízo - A mudança do dia do jogo pode prejudicar a volta de Luizão e Vampeta. O atacante se recupera de um problema muscular na coxa esquerda e Vampeta tenta entrar em forma. Dos dois, Luizão tem mais possibilidades de enfrentar o Americano.

Agencia Estado,

22 de janeiro de 2002 | 20h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.