Mundial: Palmeiras pode ficar sem Alex

A política de postergar as decisões sobre a contratação de jogadores pode fazer com que o Palmeiras não tenha o meia Alex no Mundial de Clubes da Fifa, que se iniciará em 29 de julho na Espanha. Único jogador do atual grupo convocado para a seleção brasileira, ele deverá ser o principal problema da equipe para a competição na Europa. Segundo o diretor de futebol palmeirense, Américo Faria, o empréstimo de Alex se encerra no dia 31 de julho.Américo Faria ressaltou que a diretoria ainda não tentou prorrogar a permanência de Alex junto ao Parma, da Itália. Seu discurso, pelo contrário, já sinalizava para a possibilidade de o jogador deixar o clube antes da competição na Europa. "Não podemos planejar tudo em função do Mundial. O Palmeiras tem de pensar também em longo prazo, e incluir as competições posteriores ao torneio da Espanha", afirmou o diretor.Na prática, a situação de Alex se assemelha à ocorrida com o atacante Euller, cujo passe foi vendido ao Vasco no ano passado. O contrato da venda estabelecia que o atacante deveria retornar por empréstimo ao Palmeiras a partir de janeiro, para a disputa da Copa Libertadores. O clube carioca, entretanto, se recusou a liberá-lo e, como compensação, cedeu o lateral-esquerdo Felipe até agosto.Enquanto a dúvida sobre sua participação no Mundial permanece, a preocupação de Alex nesta sexta-feira era com relação à sua apresentação à seleção brasileira. Após o jogo contra o São Caetano, domingo, pelo Campeonato Paulista, o jogador deverá ir direto para o aeroporto, onde se incorporará à delegação do Brasil, que irá se preparar para a partida contra o Equador, quarta-feira, pelas Eliminatórias da Copa de 2002.Alex até reservou um terno novo para mostrar elegância em seu retorno à seleção. Mas ressaltou que antes, terá de pensar exclusivamente em ajudar o Palmeiras a superar o São Caetano, numa revanche entre as duas equipes, após a eliminação palmeirense da Copa João Havelange, no ano passado. Na ocasião, após uma vitória por 4 a 3 e um empate por 2 a 2, o time do ABC paulista se classificou para as semifinais da competição, em pleno Palestra Itália.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.