Muñoz vive momento delicado

O atacante colombiano Muñoz atravessa um momento delicado na recuperação da cirurgia realizada nos ligamentos do joelho esquerdo, em julho do ano passado. O médico Vinícius Martins, que está cuidando do atleta, explica: ?Todo jogador fica chateado quando fica muito tempo longe do futebol. Passa um mês, dois meses, sete meses... Parece uma eternidade para o jogador.?Muñoz, por meio de seu assessor pessoal, não quis dar entrevista à Agência Estado. O colombiano alegou que quer se concentrar no seu tratamento. Só depois de retornar ao time, voltaria a dar entrevistas.A recusa faz sentido. Segundo Vinícius Martins, nesse momento da recuperação, o maior problema é a cabeça do jogador.O médico conta: ?O joelho do Muñoz está quase bom, mas ele está num momento da recuperação em que os progressos não são tão visíveis. Até agora, ele percebia que estava melhorando e isso anima o paciente, mas agora não tem mais esse retorno. É quando ele começa a questionar o médico, os colegas, o treinador. O jogador precisa manter a calma.?Martins ressaltou, no entanto, que a recuperação de Muñoz segue conforme o planejado. A previsão era de que o jogador voltasse aos campos entre seis e oito meses. ?Acho que a operação foi há uns seis meses e meio. Sua recuperação está perfeitamente normal?, avisa o especialista.Atualmente, Muñoz está sob os cuidados do fisioterapeuta José Rosan Júnior e do preparador físico Moracy Sant?Anna. ?Ele faz musculação, corridas. O Muñoz está em forma física?, garantiu o médico Vinícius Martins.

Agencia Estado,

07 de fevereiro de 2005 | 11h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.