Muricy admite decepção e lamenta atuação ruim do Flamengo

O técnico Muricy Ramalho evitou encontrar desculpas para a derrota do Flamengo por 1 a 0 para o Confiança, em Aracaju, no jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil, e admitiu que o resultado e a atuação da equipe foram decepcionantes. O treinador lembrou que o time não conseguiu nem aproveitar a vantagem de contar com um jogador a mais - Elielton, do time sergipano, foi expulso no primeiro tempo - e acabou sendo vazado no final do segundo tempo.

Estadão Conteúdo

17 de março de 2016 | 09h50

"Saímos decepcionados, jogamos com um a mais desde o primeiro tempo, tivemos muitas chances, mas não fizemos. O segundo tempo foi muito ruim, mas não tem do que reclamar. Marcaram bem a gente e fizeram na única chance que tiveram. Precisamos dar parabéns ao Confiança", afirmou.

Batido, o Flamengo agora precisa de uma vitória por dois gols de diferença no dia 20 de abril, em Volta Redonda, para avançar à segunda fase da Copa do Brasil. Antes disso, porém, o time terá compromissos pelo Campeonato Carioca. E o primeiro deles vai ser neste domingo, no Pacaembu, diante do Fluminense.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.