Nelson Perez/Divulgação
Nelson Perez/Divulgação

Muricy admite interesse na contratação do meia Wagner

Jogador pode ser envolvido numa troca por empréstimo com o atacante Osvaldo

Fernando Faro, Agência Estado

14 de fevereiro de 2014 | 20h49

SÃO PAULO - O São Paulo ainda pode ganhar mais um reforço para a temporada. O meia Wagner, atualmente no Fluminense, interessa aos são-paulinos e pode ser envolvido numa troca por empréstimo com o atacante Osvaldo, que é desejado pelo clube carioca. As conversas estão em estágio inicial, mas há disposição dos dois lados e os jogadores não se opõem, o que deve facilitar o acerto.

Wagner foi um pedido de Muricy Ramalho à diretoria para disputar posição com Ganso, atualmente sem reservas por causa da ida de Jadson para o Corinthians. O treinador elogiou o atleta do Fluminense, mas não quis falar muito sobre a possibilidade de negociação por achar que pode atrapalhar as conversas.

"Como não tem nada certo, é bobagem falar. É um jogador interessante, é um meia que precisamos porque o Jadson saiu. Não dá para falar muita coisa porque não tem nada além disso", afirmou o treinador.

O São Paulo já tentou contratar Wagner em 2011, mas o atleta acabou indo para as Laranjeiras, onde foi campeão Brasileiro no ano seguinte. Muricy quer um jogador para "cutucar" Ganso, que vem fazendo partidas sem brilho e mais uma vez foi instado pelo treinador a ser mais incisivo em seu estilo de jogo.

"Acho que essa gangorra, e já conversei com ele, é porque ele precisa focar um pouco mais. A grande alegria dele é dar um passe, mas jogando com dois homens abertos é preciso que o 10 chegue mais perto na área. Fizemos um trabalho especial com ele e falta ele querer mais e participar mais dentro da área. O resto é dele, a técnica ele não esquece", disse o técnico.

Logo após a resposta de Muricy, aconteceu uma situação curiosa. Ganso abriu a porta da sala de imprensa (que dá acesso à área da entrevista coletiva) e, sorrindo, mostrou que havia ouvido tudo o que disse o treinador. De bom humor, olhou para o chefe e falou apenas "Obrigado!", arrancando risos dos presentes.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo FCFluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.