Muricy diz que marcação do Santos foi o motivo do 0 a 0

Segundo treinador, adversário soube marcar o meio-de-campo e obrigou São Paulo a jogar por 'ligação direta'

Redação

31 de agosto de 2008 | 19h23

O técnico Muricy Ramalho justificou o empate sem gols no clássico contra o Santos deste domingo dizendo que o adversário soube como marcar o São Paulo, principalmente o seu setor de criação.Veja também: Em jogo ruim, São Paulo e Santos não saem do 0 a 0 Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão"O Santos marcou bem no primeiro tempo e não deu qualquer chance de a gente jogar. No segundo, tivemos chance de vencer o jogo nos primeiros 20 minutos, quando empurramos o time deles para a defesa.Depois disso, ficamos esperando aparecer uma chance para fazer, mas ela não surgiu", analisou o treinador.Segundo o Muricy, o Santos obrigou o São Paulo a jogar com "ligação direta" entre defesa e ataque. "O Santos marcou bem os nossos jogadores de armação e por isso tivemos que sair jogando com nossos zagueiros. Isso facilita para a defesa adversária marcar a jogada."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.