Muricy está feliz com a qualidade do grupo são-paulino

Mais do que 11 titulares. Esse é o São Paulo que começa a se acertar nas mãos do técnico Muricy Ramalho. Depois de um início de ano complicado, com um elenco bastante enxuto por conta de lesões e a saída de alguns jogadores - e com o próprio Muricy reconhecendo as deficiências do elenco -, o time tricolor está novamente entrando nos trilhos. A vitória sobre o América (4 a 2) foi prova disso. Afinal, mesmo com cinco alterações entre um jogo e outro, o time manteve a qualidade. Mais do que isso, se mostrou até mais forte.?A qualidade do plantel é muito boa. Se eu precisar mudar cinco jogadores de uma vez, como aconteceu, posso fazer sem problemas. Tenho um plantel que dá para usar. E qualidade para qualquer posição?, vangloria-se Muricy.Nem foi preciso investir rios de dinheiro para reforçar a base que foi campeã brasileira do ano passado. As chegadas de Jadilson, Hugo, Borges, Fredson e Marcel já foram suficientes. Sem contar que ainda melhorará quando Jorge Wagner for liberado pela Fifa. O técnico também aguarda o retorno de Richarlyson, que está em fase final de recuperação de uma cirurgia no braço.?Aqui tem disputa em todas as posições?, diz o lateral-direito Ilsinho, que sofre com a concorrência de Reasco e, agora, de Maurinho. ?Na lateral esquerda, tem Jadilson e Júnior; na defesa, temos zagueiros que já conquistaram grandes títulos; no ataque e no meio é a mesma coisa.?Não bastasse toda a diversidade do elenco tricolor, Muricy resolveu chamar dois atletas que fizeram parte do grupo que excursionou pela Índia. Desde esta terça, o meia Francisco Alex e o volante Hernanes estão treinando no elenco principal.?Esses foram o que mais chamaram a atenção nos amistosos que fizemos aqui e nos jogos na Índia. O Hernanes eu pretendo fixar como segundo volante, numa função parecida com a do Mineiro. O Alex terá um pouquinho mais de dificuldade pela concorrência ser maior na posição dele?, explicou o técnico.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.