Gilvan de Souza/ Flamengo/ Divulgação
Gilvan de Souza/ Flamengo/ Divulgação

Muricy diz que Fla terá de 'arriscar mais' para ir à final

O comandante rubro-negro exaltou a classificação da equipe, que segue para as semifinais do Campeonato Carioca

Estadão Conteúdo

18 de abril de 2016 | 09h04

Embora tenha exibido irritação com a atuação do Flamengo na vitória por 3 a 0 sobre o Bangu, na tarde deste domingo, em Macaé (RJ), pela rodada final da Taça Guanabara, pois chegou a dar uma grande bronca nos seus jogadores na parada técnica ocorrida no segundo tempo do confronto, o técnico Muricy Ramalho exaltou o avanço rubro-negro às semifinais do Campeonato Carioca e lembrou que o importante era seguir vivo na luta pelo título.

"O que mais importava era a classificação. No segundo tempo caímos, mas reagimos no final, marcamos mais dois gols. Criamos várias oportunidades para matar o jogo, mas não conseguimos antes. O adversário veio para cima, mas o que interessava era a classificação", afirmou o treinador, em entrevista coletiva.

No duelo diante do Bangu, o Flamengo só conseguiu deslanchar na parte derradeira do segundo tempo, depois de fechar a primeira etapa vencendo por 1 a 0. E, ao projetar a semifinal que o time fará contra o Vasco no próximo final de semana, em data, locais e horários ainda a serem confirmados pela Federação de Futebol do Rio (Ferj), Muricy cobrou mais ousadia da sua equipe.

"O Vasco fez grande campanha, vamos nos preparar bem para enfrentá-lo. Eles têm boa vantagem, que é a do empate realmente. Temos que arriscar um pouco mais. Mas é possível tirar essa vantagem", ressaltou o comandante.

Muricy também enalteceu mais um boa atuação de Marcelo Cirino, que balançou as redes pelo quarto jogo seguido e voltou a ser decisivo para os flamenguistas. "Acredito no potencial dele. Ele é rápido, conclui bem e tem trabalhado forte. E trabalhado a parte psicológica também. Ele está se achando, fazendo gols", destacou.

Além de reverter a vantagem do empate dos vascaínos por uma vaga na decisão do Carioca, o Flamengo terá de superar o desgaste físico nesta semana. Antes de pegar o Vasco, a equipe irá encarar o Confiança-SE, quarta-feira, em Volta Redonda, no duelo de volta da primeira fase da Copa do Brasil. Derrotado por 1 a 0 no confronto de ida, o time precisa ganhar por dois de diferença para seguir vivo na competição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.