José Patrício/Estadão
José Patrício/Estadão

Muricy faz as contas e acredita em vaga com vitória na Argentina

Técnico vê São Paulo nas oitavas caso time vença o San Lorenzo

CIRO CAMPOS, O Estado de S. Paulo

20 Março 2015 | 12h01

Nas contas do técnico do São Paulo, Muricy Ramalho, o time pode se garantir nas oitavas de final da Libertadores já na próxima rodada. Para o treinador, uma vitória sobre o San Lorenzo, na Argentina, no dia 1º de abril, já encaminha com tranquilidade a classificação da equipe à próxima fase do torneio continental, junto com o Corinthians, atual líder do Grupo 2.

"É uma decisão para nós na Argentina. Se vencermos, nos ajudará muito e praticamente elimina o San Lorenzo", disse Muricy, nesta sexta-feira. Segundo o treinador, antes da vitória contra o San Lorenzo, na última quarta-feira, o elenco recebeu o preparo de uma decisão e encarou as duas partidas contra o atual campeão da Libertadores como um mata-mata antecipado e, graças a isso, conseguiu ganhar no Morumbi e encaminhou a classificação.

O técnico promete que o São Paulo não deve jogar em Buenos Aires apenas para trazer um ponto. "O empate não é ruim, mas a vitória é o ideal. Já fizemos as contas no grupo e por isso ganhar nesta quarta-feira passada era tão importante", explicou. Na classificação, o time do Morumbi tem seis pontos, contra três do San Lorenzo. O Danubio não pontuou e o Corinthians tem nove pontos.

Até o confronto na Argentina o São Paulo vai ter três jogos pelo Campeonato Paulista, contra Marília, Palmeiras e Linense. Desses jogos, somente o clássico será fora de casa e, exceto nessa partida, o técnico deve escalar os titulares. Nas restantes, uma equipe alternativa deve entrar em campo para poupar os principais atletas, já pelo foco no encontro com o San Lorenzo.

"Temos que tomar cuidado para não perder jogadores. Vamos tentar rodar o elenco todo para recuperar alguns que estão com dificuldade. Senão será perigoso chegar nesse jogo decisivo sem algumas peças importantes", disse o treinador. No Campeonato Paulista o São Paulo é líder do Grupo A, com sete pontos de vantagem sobre o vice-líder Mogi Mirim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.