Muricy já avisou que quer o São Paulo ofensivo no Sul

Para vencer o Internacional, em Porto Alegre, nesta quarta-feira, e chegar ao quarto título da Libertadores, o São Paulo vai ao ataque. Sem poder contar com o volante Josué, suspenso, o técnico Muricy Ramalho pensa numa formação ofensiva para surpreender o time gaúcho, que joga pelo empate. O ala direito Ilsinho, de apenas 20 anos, é seu trunfo na manga.Muricy ainda não revelou se o ex-palmeirense sairá jogando ou se entrará no segundo tempo. Mas, para poupar Ilsinho, nem o escalou no jogo de domingo contra o Goiás, pelo Brasileirão, no Morumbi - o equatoriano Neicer Reasco atuou em seu lugar. ?O jogo das nossas vidas é o de quarta-feira?, disse Muricy.Apesar do discurso, o técnico garante que ?o São Paulo não irá cometer loucuras, já que precisa vencer por apenas um gol para levar a disputa para a prorrogação?. Se vencer por dois, liquida a fatura. ?Na minha cabeça, são 90 minutos para fazer um gol e depois ver na prorrogação quem é melhor?, diz Muricy.Com a necessidade da vitória, o técnico prometeu ?um São Paulo bem diferente? em Porto Alegre. Ele não quis entrar em detalhes. Mas sabe-se que dificilmente abrirá mão do esquema 3-5-2 - apesar de ter treinado o 4-4-2 durante todo o recesso causado pela Copa do Mundo, entre junho e julho, Muricy não se sentiu seguro para escalar a equipe dessa maneira num jogo oficial. Não faria isso pela primeira vez na temporada justamente na partida mais importante do ano.Assim, a surpresa que Muricy está preparando deve ser mesmo no meio-de-campo: jogar com um único volante de marcação - Mineiro. Com Ilsinho na ala, Souza voltaria à sua posição de origem, para ajudar Danilo na armação e Mineiro, recuado para o posto de Josué, na marcação. Souza tem fôlego para se desdobrar nessa função e, mais importante do que isso, tem a confiança do treinador. O jogador andou sendo sondado até para defender a Seleção Brasileira, além de ter recebido propostas (já recusadas) de clubes europeus. ?O Souza tem subido cada vez mais de produção?, diz Muricy.O técnico também tem elogiado muito as atuações de Ilsinho, o maior destaque do chamado ?Expressinho?, que tem jogado o Brasileirão enquanto os titulares se concentram na Libertadores. ?O Ilsinho, apesar da pouca idade, já mostrou que tem personalidade e futebol de qualidade?, disse Muricy, há duas semanas. Na época, quando questionado se seria capaz de escalar o garoto num jogo de Libertadores, o técnico foi enfático: ?Claro que sim! Se está no grupo, tem qualidade. Todos que estão aqui podem jogar?.Se quiser mexer pouco na estrutura do time, Muricy pode escalar Ramalho na vaga de Josué. Dessa forma, a equipe continuaria com um cabeça-de-área à frente dos três zagueiros e um volante que sai mais para o jogo (Mineiro). Richarlyson também é outra opção. Canhoto, ele atuaria na esquerda, cobrindo as subidas do lateral Júnior. Mineiro marcaria pela direita, dando cobertura aos avanços de Souza. Na frente, sem poder contar com Ricardo Oliveira, Aloísio formará dupla com Leandro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.