Muricy não teme estréia diante do Palmeiras

Sem vencer há cinco jogos e ocupando a sexta posição no Grupo 1, a partida deste sábado, contra o Palmeiras, no Parque Antártica, ganhou importância redobrada para o São Caetano. Além da vitória para manter viva as chances de se classificar à próxima fase, a equipe terá no comando a estréia do técnico Muricy Ramalho.O treinador, que substitui Tite, demitido após a derrota de 1 a 0 para o Marília, já chegou ao ABC alterando a formação tática da equipe do 3-5-2 para o 4-4-2. "É preciso ter ânimo para sairmos desta situação. Não adianta ficarmos lamentando o que passou. Temos que olhar para frente", afirma o treinador, que não teme o desafio de assumir o time em um jogo decisivo. "Assinei contrato de um ano e não para o Campeonato Paulista. Não podemos escolher os jogos que vamos começar", disse Muricy.Warley volta ao ataque depois de ficar ausente por causa de uma luxação no ombro. Quem sai com isso é Marcinho, que está machucado. Com novo titular no ataque, o técnico espera resolver a crônica falta de gols do time, que em seis partidas, marcou apenas sete vezes.Na defesa, com a suspensão de Serginho, o São Caetano deve jogar com dois zagueiros: Dininho e Gustavo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.